#Mídia

Como você lida com os grupos do WhatsApp?
Atualmente, é raro quem não tenha esse aplicativo, mas como você se comporta ao utilizá-lo? Descubra a partir do teste elaborado com a colaboração de Carlos Pimentel, professor de psicologia da Universidade Federal da Paraíba e Flávio Torrecillas, psicólogo pós-graduado pela PUC (Pontifícia Universidade Católica) de Minas Gerais Acesse a página




Sessão de autógrafos no lançamento do livro Vida em Equilibrio na Livraria Cultura no Shopping Iguatemi SP




Lançamento do livro Vida em Equilíbrio na Livraria Cultura no Shopping Iguatemi SP
“Vida em equilíbrio” revela soluções para inúmeros desafios pessoais e profissionais. Por meio de ferramentas de coaching, o livro direciona o leitor a alcançar o sucesso em sua plenitude O equilibrista segue em sua linha tênue para ir de um lado ao outro sem cair e, claro, impressionar a plateia. O que o mantém tão focado? Por vezes, na vida, muitas pessoas se enxergam nessa linha sem saber como dar o primeiro passo, com receios e medos de olhares maldosos. A obra, Vida em equilíbrio: ferramentas de coaching para alcançar o sucesso em sua plenitude, chega ao leitor para acabar com as crenças limitantes, com as armadilhas da mente, com metodologias práticas e aplicáveis a todos os âmbitos da vida.




Ao vivo no Balanço geral
Ao vivo no Balanço geral , ( ENTREVISTA REDE RECORD)




Relação Entre o ídolo e Fã
Confiram minha entrevista explicando a relação entre o ídolo e fã exibida no canal 12 da NET TV e no canal 14 da UAI TV.




Treinamento Policial
Nesta entrevista ao programa "Fala que eu te escuto", discuto a necessidade da "pedagogia do sofrimento" para o treinamento policial. Se achar interessante, curta, compartilhe ou comente abaixo a sua opinião a respeito.




Presença de animais no ambirente corporativo
Trecho da minha entrevista no Balanço Geral sobre os efeitos da presença dos animais de estimação no ambiente corporativo. O que você pensa a respeito? 🐱🐶




Menores Infratores
Ontem, participei ao vivo do programa #FalaQueEuTeEscuto, da #RecordTV. O tema era: "Menores infratores: produto da desigualdade social, da leveza das leis ou uma escolha pessoal?". Confira, neste vídeo, um pouco da minha contribuição para o debate.




Noite dourada 2014
Gostaria de compartilhar com vocês um pouco da minha felicidade por ter sido considerado pela crítica "PSICOLOGO DESTAQUE ESPECIAL DE MINAS GERAIS 2014" e ter recebido o honroso título de "GENTE DE EXPRESSÃO 2014"




Transtorno de compra compulsiva
Nesta entrevista à TV Câmara, falo um pouco a respeito da oniomania, ou transtorno de compra compulsiva. Para você, querer deve ser sempre sinônimo de poder? Seu cartão de crédito é, hoje, um aliado ou um inimigo?




Depressão no natal
Entrevista pra emissora : (REDE MINAS) abordando o seguinte tema : O natal desperta uma nostalgia nas pessoas? Sim. Final de ano é o momento onde a pessoa se vê naturalmente questionando seus valores, suas verdades suas convicções. Neste questionamento ele começa a mergulhar dentro dele mesmo . Buscando a resposta dentro de si com o objetivo de dar sentido a própria vida. É um momento muito doloroso. É um momento comum e propício a todos nós, só que para uns é como rasgar a carne e para outros é como dilacerar a alma.




O mal do Seculo XXI
Considerada “doença do século”, a depressão atinge pelo menos 340 milhões de pessoas em todo o mundo, segundo dados da OMS citados pelo psicólogo Flávio Torrecillas. Em entrevista ao DTUP, o especialista também ressalta um dado alarmante: anualmente, pelo menos 850 mil pessoas cometem suicídio. Os fatores ligados ao surgimento da depressão são diversos e, para um diagnóstico e tratamento eficazes, é importante que a família da pessoa com suspeita da doença esteja atenta aos mínimos sinais. “As pessoas não dão a importância devida à depressão, porque ela não é uma doença palpável”, alerta.




DEPRESSÃO : O mal do seculo XXI (ENTREVISTA REDE SUPER)
Entrevista pra emissora (REDE SUPER) abordando o seguinte tema : Depressão: “São cerca de 850 mil suicídios anualmente”, diz psicólogo Considerada “doença do século”, a depressão atinge pelo menos 340 milhões de pessoas em todo o mundo, segundo dados da OMS citados pelo psicólogo Flávio Torrecillas. Em entrevista ao DTUP, o especialista também ressalta um dado alarmante: anualmente, pelo menos 850 mil pessoas cometem suicídio. Os fatores ligados ao surgimento da depressão são diversos e, para um diagnóstico e tratamento eficazes, é importante que a família da pessoa com suspeita da doença esteja atenta aos mínimos sinais. “As pessoas não dão a importância devida à depressão, porque ela não é uma doença palpável”, alerta.




-------------------------------------------- Depressão: “São cerca de 850 mil suicídios anualmente”, diz psicólogo
Considerada “doença do século”, a depressão atinge pelo menos 340 milhões de pessoas em todo o mundo, segundo dados da OMS citados pelo psicólogo Flávio Torrecillas. Em entrevista ao DTUP, o especialista também ressalta um dado alarmante: anualmente, pelo menos 850 mil pessoas cometem suicídio. Os fatores ligados ao surgimento da depressão são diversos e, para um diagnóstico e tratamento eficazes, é importante que a família da pessoa com suspeita da doença esteja atenta aos mínimos sinais. “As pessoas não dão a importância devida à depressão, porque ela não é uma doença palpável”, alerta.




Depressação no Natal - Opinião Minas Parte 1
Para muita gente, o fim de ano é um momento depressivo e triste, seja pela lembrança de um ente que se foi, pela distancia da família, ou até pelo fato de não gostar das festividades. A depressão é apontada, pela Organização Mundial de Saúde, como a quinta maior questão de saúde pública e até 2020 deveria estar em segundo lugar.




Homenagem ao Psicólogo Flávio Torrecillas de Psicólogo destaque de Minas Gerais 2014




Admiração ou obsessão por celebridades qual a diferença?
Qual é a diferença admiraço e obsessão? O psicólogo Flávio Torrecillas explica: “Imagina se você admira o Einstein e você tem isso como um veículo motivador da busca do conhecimento? Isso pode ser produtivo.



Porque a atual juventude tenta se espelhar em seus ídolos?
Deficientes físicos na UFMG: descubra os desafios da inclusão na universidade. |Faz parte da comunidade da UFMG e se parece com alguma celebridade? Você pode estar no cara a cara! E ainda hoje: #FicaADica sobre Alzheimer e as vagas de estágio.